Nothing

terça-feira, 30 de março de 2010

Missão Cumprida

  Vi-te. Não estava nada à espera que tu estivesses ali. Naquele sítio. Naquele momento.
 Observei-te sem que te apercebesses, e tentei arranjar uma explicação rápida para o facto de estares ali. Não encontrei e desisti de pensar. Infelizmente, enquanto estava a decorrer aquela longuíssima leitura, a qual todos os presentes escutavam atentamente, fui levada a momentos passados. Lembrei-me de tudo em breves instantes. O que tu eras e o que tu és. Quis tanto que naquele momento estivesses ali, ao meu lado, de cabeça erguida e com um grande sorriso nos lábios como estávamos todos, e com aquele sentimento de: Missão Cumprida.

11 comentários:

Joana Carvalho disse...

ohh *.*

obrigada qerida, es tao simpatica *.*

eu continuo a tirar siii :)

Alguém... disse...

Sem o que é sentirmo-nos assim :x

Anónimo disse...

Adoro como escreves *.*

ti em mim disse...

eu costumo demorar a postar, não tenho tanto tempo quanto gostaria :x mas se quiseres ler-me podes sempre ler posts antigos xD

a sensação de missão cumprida, na minha opinião, nunca chega a existir, porque há sempre algo que se acrescenta à nossa missão!

André Santos disse...

Concordo contigo. Nem mesmo eu, consigo entender.

zézão disse...

obrigado (:

Juliana disse...

é mesma cena do que eu,
mas não em relação à moda,
é a dança..
e toda a gente "e depois ficas sem emprego?"
mete-me um nojo,
mas olha as manequins ainda têm mais sorte do que "nós (bailarinos)" por isso, devias começar a fazer castings e conseguias,
acredita que sim :)

Juliana disse...

outro texto,
que simplesmente diz cada sentimento,
diz tudo,
adorei. :)

Sara Santos disse...

está muito bonito :D

Mariana Silvino disse...

Lindo :)

Kryptonite disse...

Tao lindo :D